Skip to content

Imperatriz nas lentes de Brawny Meireles

Lançado ontem à noite (3.9), no Posseidon Hotel,  o livro Imperatriz do Brasil: retratos de uma multicidade, do fotógrafo Brawny Meireles.

Recebi um exemplar da obra, das mãos do autor, na última sexta-feira (28.08), mas como tive a oportunidade de ver uma prova antes da publicação, e escrever sobre ela um pequeno comentário, não fiquei surpreso com a excelente qualilidade gráfico-editorial do trabalho. Impresso em papel couché, com mais de 120 fotografias, todas saídas das lentes de Brawny,  o livro retrata e desnuda a cidade de Imperatriz em todos os cenários e matizes.

É um trabalho que se iguala artisticamente aos melhores livros do gênero no país, tanto na sensibilidade da percepção artística da realidade quanto na cuidadosa impressão e acabamente gráficos, feita pela Unigraf, de São Luís. Traz textos de Adalberto Franklin, Agostinho Noleto, Brawny Meireles, Carlinhos Veloz, Domingos Cezar, Edmilson Sanches, Joaquim Haickel, José de Ribamar Fiquene, Luiz Brasília, Neném Bragança e Tasso Assunção e Zeca Tocantins. A apresentação é do prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira.

É, de longe, a melhor apresentação visual de Imperatriz.

3 Comments